As trilhas são aventuras obrigatórias no manual do espírito aventureiro. Elas conciliam o contato com a natureza da forma mais intensa, é uma experiência de exploração e desafios, sempre nos surpreende com belas paisagens e é também um exercício de alta intensidade.

Mas fazer trilha não é uma coisa simples!

Não é só calçar um bom tênis, uma roupa confortável e adequada e se encher de disposição. Se pensarmos em uma trilha minimamente desafiadora – e elas têm de ser – é preciso estar mais preparada. Afinal, quem disse que atividades esportivas combinam com falta de cuidados?

Cuidados antes de começar a aventura!

É preciso se preparar bem antes de começar a trilha e algumas dicas são fundamentais:

Antes da trilha

  • Escolha a trilha conforme a sua condição física – portanto se informe a respeito dela com amigos e colegas que fizeram antes ou leia sobre ela na internet, existem sites muito bom sobre trilhas e escaladas.
  • Previsão do tempo – importante se informar para evitar a região em caso de chuvas fortes, que podem dificultar ou colocar o grupo em risco.
  • Não faça trilha sozinho – o ideal é estar com um guia que conhece a região e assim você pode desfrutar com mais leveza, sem estar tenso com cada fato novo que acontecer.
  • A trilha exige que cada um se esforce individualmente para não ser problema para todos, e que o grupo não se distraia o tempo todo, isso vai prejudicar o tempo para completar e voltar (certamente antes do final da tarde).
  • Avalie o peso da mochila e, se precisar, retire o que der até sentir-se confortável em andar com ela nas costas.
  • Alimente-se de forma leve e nutritiva.
  • Existem suplementos que podem ajudar a dar mais energia, veja como tomar Maca Peruana em cápsulas por exemplo, e você sentira uma diferença no seu condicionamento físico.
  • Não ingira bebidas alcoólicas antes – de preferência nem no dia anterior, pois o álcool prejudica a performance mesmo depois de algumas horas de ingestão – sem contar a famosa ressaca que arruína qualquer passeio!
  • Tenha a melhor noite de sono – é fundamental para acordar bem disposta!

Durante a trilha

  • Faça a trilha com uma calça comprida leve e blusa de manga comprida. São peças que protegem de mosquitos e de plantas no caminho.
  • Deixe pessoas conhecidas cientes do local, tempo estimado de trilha, horários previstos de início e fim e, se o celular funcionar, procure avisar antes de começar, mas alerte que o tempo pode variar conforme as experiências no caminho.
  • Não faça barulhos, essa é a senha para você aproveitar os maravilhosos sons que a natureza tem para te oferecer!
  • Não use atalhos: além de degradar a natureza em volta da trilha, você evita perder-se ou entrar em trechos perigosos.
  • Carregue um documento e dados de contato, para o caso de emergências para ser localizada – você e/ou o grupo.

Trilha: o que levar?

Mochila

Ela deve ser adequada à sua altura e de material leve, para não ser um peso logo de saída. Também deve ter compartimentos externos para água e objetos para usar na trilha. O interior dele deve ser bem compartimentado, para ajudar a localizar as coisas e o tamanho vai variar conforme a duração da trilha, as mais curtas demandam uma mochila de tamanho básico.

Cantil

Item fundamental, afinal água é o que você mais vai precisar durante a trilha, mesmo com temperaturas amenas. Beba de 40 em 40 minutos e evite o estado de sede, que já indica que a hidratação está comprometida. Você pode carregar o cantil com água de coco também, mas que seja um líquido que hidrate adequadamente.

Kit de Primeiros Socorros

Esse não pode faltar em trilha alguma. Você pode levar kits prontos vendidos em farmácias e lojas ou montar o seu. Mas não esqueça de colocar alguns medicamentos básicos e que você possa consumir – antialérgicos leves, antitérmicos, analgésicos leves.

Protetor Solar e Boné

Se são importantes no dia a dia, imagine em uma trilha com o sol batendo nos ombros e costas e você distraída com a beleza do lugar.

Lanterna

Não pense na lanterna apenas para trilhas com pernoite. Ela pode ser extremamente útil se a trilha atrasar demais ou houver um imprevisto em uma área que escurece rápido, ou até mesmo iluminar uma região onde possa haver um risco não previsto.

 

Sou Ana Marcela, e criei o blog em março de 2018, numa época onde ele era apenas um hobby aleatório e eu trabalhava em uma operadora de telemarketing. Ele surgiu com o intuito de suprir minha carência de falar de assuntos femininos em meio a um trabalho nada glamouroso, onde se falava de tudo, menos do que eu mais queria.

Todos os direitos reservados – Baaphonico 2019

meus e-books