Já acordou e sentiu como se tudo estivesse girando? Parece que vem uma tontura, enjoo, com um mal-estar e falta de equilíbrio? Pois é, isso tudo pode ser labirintite. São diversas causas que podem ser o que faz a labirintite aparecer, mas todas por questões físicas. Acontece que a labirintite também tem um lado emocional.

Normalmente, se fala em labirintite para descrever vertigem e quadros de tontura. Mas, ela é uma doença que não é muito frequente e quando acontece é por conta de uma inflamação ou infecção no labirinto. Assim, alguns dos sintomas sentidos pela labirintite podem indicar outra questão que deve ser investigada com a ajuda de especialistas.

Estresse causa tontura

As alterações de equilíbrio são algo realmente comum, atingindo boa parte das pessoas ao longo da vida. Elas podem surgir por conta de uma má alimentação e também pelo estresse. Por isso, algumas pessoas acabam sentindo essa tontura e vertigem, mas é uma questão emocional bem forte, conhecida por labirintite emocional.

De acordo com informações sobre labirintite Manaus, a maioria dos casos não é algo muito grave, por mais que seja um grande incômodo sentir náuseas e tontura. De qualquer maneira, a recomendação é procurar por ajuda de um médico quando sentir que há alguma crise, assim é possível investigar o que está causando e também eliminar a possibilidade de doenças graves.

O estresse acaba causando tonturas, visto que há uma alteração do estado normal do corpo, liberando hormônios diferentes, alterando também as funções digestivas e cardiovasculares. O sistema psicológico e nervoso também é capaz de alterar o funcionamento do labirinto. Com isso, muitas pessoas acabam confundindo o estresse com labirintite, por não estarem bem informados.

Ainda não se tem certeza sobre como o estresse consegue ter influência na labirintite, porém, já se sabe que ele é um dos responsáveis por desencadear uma crise, dessa maneira, agravando os sintomas. Ele pode ser o gatilho para começar uma crise e manter os sintomas, o que traz uma insegurança, o que aumenta ainda mais o estresse.

Nem sempre tontura é labirintite

Assim, tontura não é uma doença, ela é apenas um sintoma de alguma coisa atrás, sendo um sinal para ser percebido de que algo não está legal no organismo. Como é algo comum e frequente nos diferentes sintomas de doenças, o que demonstra que pode estar relacionado com outros problemas. Identificar a raiz desse sintoma faz parte do diagnóstico.

Dessa maneira, é bem simples de perceber que há a necessidade de procurar por um atendimento especializado para conseguir identificar as causas e buscar um tratamento adequado. Com diferentes testes sendo realizados, consegue se identificar se o problema é realmente no labirinto e o que está provocando os sintomas.

Caso seja realmente diagnosticada a labirintite, o tratamento também vai ser de acordo com a causa. Pode ser através de medicamentos para conseguir acabar com os problemas no labirinto, mas podem ser medicamentos para trabalhar a circulação sanguínea, podendo chegar até em intervenções cirúrgicas.

Sou Ana Marcela, e criei o blog em março de 2018, numa época onde ele era apenas um hobby aleatório e eu trabalhava em uma operadora de telemarketing. Ele surgiu com o intuito de suprir minha carência de falar de assuntos femininos em meio a um trabalho nada glamouroso, onde se falava de tudo, menos do que eu mais queria.

Todos os direitos reservados – Baaphonico 2019

meus e-books